Quarta-feira, 06.06.12

Muito se fala hoje em dia sobre os juros da dívida pública. Toda a gente sabe que foram esses ditos juros que levaram a Grécia, a Irlanda e Portugal a pedir ajuda financeira. E agora toda a gente sabe que o problema são os ditos juros da Espanha e Itália.

Mas outra coisa também é certa, até 2008 nunca se tinha ouvido falar destes juros, e, se calhar, aí é que temos um grave problema. Ora para quem não sabe ou não se lembra, abaixo está um gráfico com a evolução das taxas de juro das obrigações da dívida pública a 10 anos desde 1993 para os PIIGS e a Alemanha.

A primeira coisa que se calhar para alguns é novidade são os primeiros anos do gráfico. Reparem como os juros na década de 90 eram tão ou mais elevados do que são actualmente. A título de exemplo, os juros da dívida Alemã chegaram a atingir os 7,5% em 1995 - um valor que hoje é considerado insustentável e que está acima dos valores que obrigaram a Grécia, a Irlanda e Portugal a pedir ajuda financeira, e também acima dos actuais juros de Espanha e Itália.

Bom, mas o que é que aconteceu no fim do milénio passado que levou os investidores a reverem brutalmente em baixa os juros de países como Portugal e até a equiparar o risco desses países com o da Alemanha?

Toda a gente sabe, foi criado o euro. E apesar do euro só ter entrado em circulação em 2002, não nos podemos esquecer que foi um processo que começou em 92 com a assinatura do Tratado de Maastricht. 

O problema é que a criação do euro não justificava esta convergência total ao nível do risco país. Se com a criação do euro países como Portugal eliminaram da sua dívida o risco cambial, simultaneamente ganharam outro risco - o risco de falência. Mas esse risco de falência foi ignorado durante mais de 10 anos, e países como Portugal viram as suas dívidas externas aumentar drasticamente, como era de esperar. E o pior é que quando os investidores se aperceberam da situação que eles próprios criaram, estávamos a meio da crise mais severa desde a Grande Depressão, e as consequências estão à vista de todos.

O gráfico abaixo ajuda a tornar mais evidente evolução do risco da dívida pública Portuguesa. As duas linhas mostram a diferença entre as taxas de juros das obrigações a 10 anos entre Portugal e os EUA e entre Portugal e a Alemanha. Note-se que entre 98 e 2007 os juros de Portugal foram, em média, apenas 0.2 pontos percentuais superiores aos da Alemanha (4,5% contra 4,3%) - agora, como toda a gente sabe, a diferença são mais de 10 pp. E perante os EUA, entre 98 e 2000 e entre 2004 e 2007, a dívida Portuguesa pagou mesmo um juro mais baixo do que a dívida da maior economia mundial - e sim, não me enganei, mesmo no recente ano de 2007,  os juros das obrigações a dez anos foram em média de 4,4% em Portugal e de 4,6% nos EUA.

 

 


publicado por Mais Um Economista às 18:59 | link do post | comentar | ver comentários (4)

Quinta-feira, 31.05.12

Na semana passada publiquei um post que mostrava a evolução das trocas comerciais entre a Alemanha e Portugal desde 1995. Penso que ajuda a clarificar algumas das consequências inevitáveis da criação do euro.

Outra forma de ver como o euro criou enormes desequilíbrios é comparar a evolução da Balança Corrente* da Alemanha com a Balança Corrente dos famosos PIIGS (= Portugal + Itália + Irlanda + Grécia + Espanha).

 

 
Como diria o outro: "Did they ever fit together?" 
 
*Balança Corrente = Balança Comercial (Exportações - Importações) + Balança de Rendimentos (Rendimentos recebidos de investimentos estrangeiros - Rendimentos pagos a investidores estrangeiros) + Balança de Transferências (ex: remessas de emigrantes)
 


publicado por Mais Um Economista às 16:36 | link do post | comentar


Posts recentes

O Euro e os Custos de Fin...

O Euro, os PIIGS e a Alem...

Mais Um Economista

Subscreva para receber os posts no seu email

Posts mais comentados
comentários recentes
Apesar de ser expectável que as previsões não este...
Não era de esperar que as previsões falhassem?
"O que está em causa não é o tamanho exagerado do ...
Este homem é tão burro!
subscrever feeds
Outubro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


Tags

todas as tags

links
arquivos

Outubro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012